quarta-feira, 9 de outubro de 2013

"VERSOS SEM FIM"

Prisioneira da vontade!
Na liberdade acredita
Na casinha da felicidade
Feliz, apaixonada, habita.

Sonha com a saudade
Do passado permanece
Bem presente na memória
Em poesia, versos escreve
Sobre o amor de sua vida
Num livro, a sua história.

Em versos sem fim
Sonha com o amor
Porque é uma flor
Habita no jardim!
(Eduardo Maria Nunes)
Simone Prado diz:
Talvez a flor se despetalou,dela o espinho
sobrou como marca da sua dor,
Talvez tenha se cansado
talvez não mais acredite no AMOR.
 o perfume, a textura do aveludado do tato...
suas pétalas ao chão despetalado e perdeu até a cor,
ah talvez a rosa tenha desfalecido no enfado.
http://monsoresprado.blogspot.pt/

12 comentários:

  1. Sempre um poeta brilhante

    Deixo cumprimentos
    *****************************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Sonhar com o amor,que habita no jardim como uma flor.
    Lindo Edu.

    bjs amigo.
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Muito belo, Eduardo.
    Gostei muito!

    Beijinhos
    Sónia

    ResponderEliminar
  4. Bom dia!
    Que delicia!
    Que lindo e quanto amor...
    bom demis!
    bjs
    Ritinha

    ResponderEliminar
  5. Mais uma poesia linda, bem inspirada,Edu! abração,chica

    ResponderEliminar
  6. Que lindoooooo....amei...amei e amei!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  7. Oi amigo Edu, amei sua poesia!!!

    ''Na liberdade acredita Na casinha da felicidade Feliz, apaixonada, habita.''

    Obs: Amigo você desvendou meu poema hein,rs... O poema que escrevi era realmente uma despedida, só que algumas pessoas me pediram pra eu não parar, ai tirei o comunicado formal e deixei somente o poema.
    Estando só agora, eu fiquei a pensar se eu encontrarei ainda alguém que ame igual eu, esse amor tão intenso... e se eu não encontrar e melhor eu parar de sonhar e enfrentar a realidade...
    Nota 10 pra você!!!
    Comecei a estudar música também, por isso estou meio devagar nas visitas, mas tentarei estar sempre aqui com você!

    Beijos em seu coração, da amiga Fernanda Oliveira

    ResponderEliminar
  8. Meu poeta maravilhoso, sempre a sonhar!
    Amei o poema!
    Xeirinhos...

    ResponderEliminar
  9. Oi Edu,
    Quem sabe faz, quem não sabe bate palmas e todos participam.
    Eu não sei fazer poesias.kkk
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. BOA NOITE MEU INDIOZINHO QUERIDO !
    OS VERSOS MOSTRA QUE O POETA É SEMPRE UM AMANTE DO AMOR,MAIS PRISIONEIRO DA POESIA.
    BJS DE BOA NOITE ...ASSIM DEIXA A AMIGA MARUJA!

    ResponderEliminar
  11. Talvez a flor se despetalou, dela o espinho sobrou como marca da sua dor, talvez não mais acredite no AMOR. Talvez tenha se cansado, suas petálas ao chão despetalado e perdeu até a cor, o perfume, a textura do aveludado do tato...ah talvez a rosa tenha desfalecido no enfado.

    Lindo poema, amei muito migo...meu grande poeta...

    ResponderEliminar

Oferecido por Cristi@ne

Image and video hosting by TinyPic"

Oferta de Sandra Veneziani

Image and video hosting by TinyPic"