sexta-feira, 25 de outubro de 2013

"SONHOS...ILUSÃO"

A saudade aumenta!
Cinzento começa o dia
Recordação apoquenta
Lembranças sem alegria.

Sonhos, são ilusão,
Cai a chuva na terra fria
Da árvore cai folha no chão
  Seca, que antes verde nascia.

Esperança, futuro sombrio,
teimosa, não se ausenta
Dor que tanto atormenta
Sem calor em corpo frio.

Rosto triste sem brilho,
Sofrimento renitente
 Amor distante lugar vazio
Nos lábios sorriso ausente.

De modo algo estranho,
Momento triste ocasião
Pesadelo medonho
Faz sofrer o coração!
(Eduardo Maria Nunes)

11 comentários:

  1. Lindo poema e a saudade chega forte! abração, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  2. Um coração triste que sofre por uma saudades.
    bjs amigo Edu e um ótimo final de semana.
    Carmen Lúcia-mamymilu

    ResponderEliminar
  3. Eu sei que os dias só acordam cinzentos,
    porque gostam que eu os pinte,
    à minha maneira...

    Bom fim de semana, Eduardo.
    Com muita cor e alegria.
    Beijinhos
    Sónia

    ResponderEliminar
  4. Olá amigo Edu... gostei do seu poema.
    Uma doce melancolia em versos.

    Amigo do meu coração lhe desejo um bom fim de semana, de muitas alegrias, paz e amor !

    Beijos de sua amiga Fernanda Oliveira

    ResponderEliminar
  5. Olá meu amigo Edu,
    Belíssimo poema de saudade. Triste porque saudade doí e deixa tudo cinzento...Adorei!
    Meu querido amigo, agradeço de coração suas visitas versadas,elas alegram o meu coração e a minha alma.
    Beijos com muito carinho e desejo a você um lindo final de semana.
    Marilene

    ResponderEliminar
  6. En ocasiones la Saudade lo baña todo mojando el crepúsculo el anochecer y el amanecer...Inmensa Poesía.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  7. Quando a saudade castiga , nasce do coração do poeta a rima sofrida e bela . Grande abraço amigo Edu

    ResponderEliminar
  8. Alentejanos voltam ao passado, quando chove...somos criaturas do Sol!

    bjs

    ResponderEliminar
  9. Oi Edu,
    Dia cinzento, enrolado num cobertor com sua amada, ouvindo o gotejar no telhado. Ah! Que delícia!
    Linda poesia
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. Amigo, hoje venho aqui para convidar vc a conhecer a Vila dos Blogs na qual vc tbm faz parte. Atravéz da Vila da oportunidade de conhecer novos amigos e rever os antigos tbm. Espero que goste. Um abraço Dado

    ResponderEliminar
  11. A saudade boa é feliz, esta, a do poema, é uma saudade triste. Desejo a você que supere e transforme essa saudade triste em algo bom. Um abraço, Yayá.

    ResponderEliminar

Oferecido por Cristi@ne

Image and video hosting by TinyPic"

Oferta de Sandra Veneziani

Image and video hosting by TinyPic"