sábado, 25 de janeiro de 2014

"NAS PÉTALAS DE UMA ROSA"

Já dormi numa tarimba!
Versos escrevi numa ardósia
Transformei a prosa em rima
Nas pétalas de uma rosa!

Sobre os alicerces da paixão,
Uma casa flutuante sem lareira,
Construída na rua da imaginação
Voante numa nuvem passageira.

Outono frescas tardes.
No jardim flores perfumadas
Caem as folhas das árvores
Secas no chão amareladas,

Desta forma o imagino,
Algumas na terra misturadas
 Pelo vento forte sem destino
Outras para longe são levadas!
(Eduardo Maria Nunes)

20 comentários:

  1. Olá amigo Eduardo, adorei o seu poema. É lindo. Beijos com carinho

    Nas pétalas da tua rosa
    Escreve um poema qualquer
    Para ficar mais formosa
    E se sentir mais mulher

    Escreve um poema d'amor
    Com a voz da tua razão
    Para beberes seu ardor
    Os dois num só coração.

    ResponderEliminar
  2. Meu amigo maravilhoso poema, nas petalas de uma rosa, os versos nasceram e encantaram.
    Hoje venho numa fugidinha especialmente para pedir desculpa da minha ausência, mas tem sido um inicio de ano muito dificil com vários problemas de saúde na familia, encontrando-se agora, a minha mãe internada no hospital.
    AGRADEÇO do coração as mensagens deixadas no meu cantinho, logo que seja possível, irei começar a fazer as minhas visitas habituais.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  3. Oi Edu,
    Adoro o outono. Se olharmos ao longe no campo com árvores, no chão as folhas amareladas, parecem flores.
    Fiz outro comentário na postagem abaixo.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  4. Belo poema amigo Edu !!!
    Obrigada pelo carinho de sua visita meu amigo do coração, te gosto de montão!!!

    Que essa semana que se inicia seja de muitas felicidades pra você é o desejo de sua amiga Fernanda Oliveira

    ResponderEliminar
  5. Adoro rosas e adoro flores!! Por isso,achei este poema super perfeito!! Para ti,amigo eduardo,eu desejo que o teu mês de janeiro termine da melhor forma possivel. Muitos beijinhos,fica com deus e até breve!! http://musiquinhasdajoaninha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  6. Caro Eduardo, tarimba não é palavrão, era a cama do abegão. Hoje é inexistente, mas o poeta ma trouxe à recordação.
    É a poesia a recordar e a fixar, para as novas gerações.
    Obrigado pelas tenções.
    um abraço

    ResponderEliminar
  7. Oi Edu,que lindo poema falando sobre pétalas de rosa.
    Eu amo flores,principalmente quando colocadas em forma de amor.
    bjs amigo e obrigada da visita.
    Carmen Lúcia-mamymilu

    ResponderEliminar
  8. Os meus olhos se enchem de cor, quando contempla as rimas da tua flor. Sobretudo quando falas de rosas e de amor.
    Doce beijo querido Eduardo!

    ResponderEliminar
  9. Amigo Eduardo, obrigado pela visita.
    CFomo sempre uma bela poesia.
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderEliminar
  10. Que poema lindo!!!! Estou me deliciando com o seus poemas!
    Uma ótima semana pra vc!!!

    ResponderEliminar
  11. Eduardo,
    Agradeço o seu carinho!!! Abraços

    ResponderEliminar
  12. Olá amigo Eduardo!
    Lindo seu poema...é doce e com cheiro de flor.
    Beijos
    Sol

    ResponderEliminar
  13. Oie vidinha ...que saudades de vc ...e de seu cantinho..mas estou de volta..agora para ficar porque aqui ..aqui é meu lugar kkkkkkkkkkkkk..espero que esteja bem ..eu otiminha renovada das férias ..beijus aparece ...meu cantinho tá todo com lay azulizinho kkkk beijokinhas feliz semaninha !!!Dolu vc

    ResponderEliminar
  14. !Que preciosidad Eduardo!
    Maravilloso poema, te deseo un hermoso miércoles, besos!

    Muchas gracias por tu encantadora vista!

    ResponderEliminar
  15. Ah! Edu... sempre com as rimas que nos fazem bem a alma.
    Gosto demais!
    Gosto desse seu jeito único e especial, encanta, alegra, sabia?
    Sempre sorrio quando leio suas postagens, quando recebo sua visita e lá tem um verso todo pra mim.
    Algo simples pra voce, mas com um carinho ilimitado e pessoal.
    Gosto demais!
    bjs
    Ritinha
    (em ritmo de ferias, sentirei sua falta)

    ResponderEliminar
  16. Oi Edu,bom dia!
    A leitura deste poema é muito agradável,chega delicadamente formando imagens de muita satisfação.Abraços amigo,

    ResponderEliminar
  17. Lindo,lindo amigo poeta...

    Fico sempre muito feliz em te visitar, pois pego um frescor que muitas vezes necessito respirar.

    Bjs no coração.

    ResponderEliminar
  18. O outono surpreende, pois as folhas caem, algumas flores secam, é a vida. Um abraço, Yayá.

    ResponderEliminar
  19. Boa tarde amigo Eduardo
    Uauuuuuuu! Fiquei sem voz ao ler teu belíssimo poema. Parabéns por tua magistral inspiração.
    “A amizade é fundamental em nossas vidas. Por isso agradeço a Deus pelas pessoas que ocupam um lugar especial em meu coração. Você é uma delas! Obrigada por seu carinho” E para estreitar os laços da nossa amizade estou lhe oferecendo um singelo mimo. Acesse aqui... http://gracitamensagens.blogspot.com.br/2014/01/o-valor-de-uma-amizade.html e pegue o seu. Tenha um lindo final de semana.
    Beijos com afeto
    Gracita

    ResponderEliminar
  20. Oi Edu,
    Passando para lhe desejar um bom fim de semana.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar

Oferecido por Cristi@ne

Image and video hosting by TinyPic"

Oferta de Sandra Veneziani

Image and video hosting by TinyPic"