domingo, 22 de maio de 2016

NO DIA DO ABRAÇO"

Em silêncio ouvindo,
com abraços e beijinhos
o trinar dos passarinhos
como seria bom imagino!

Na terra verdes plantas florindo,
exalando perfume em seu redor
maravilhosa seria a vida sorrindo
sem guerras, sem ódios, com amor!

No campo verde campo, estava eu a imaginar,
sentado no tronco duma árvore tombada no chão
olhando para a água, serena, correndo no rio para o mar
como o sol no céu azul, brilhando, isento de poluição!
(Edumanes)

6 comentários:

  1. Bom dia, Eduardo. Seria maravilhoso vivermos em um mundo assim, tranquilo, transformado pela paz.
    Ter pessoas ao nosso lado que amássemos e pudéssemos abraça-las!
    Lindo e convidativo o seu poema.
    Feliz dia do Abraço.
    Receba o meu com carinho.
    Tudo de bom.
    Beijos na alma.

    ResponderEliminar
  2. Muito lindo,Edumanes! Seria maravilhoso! Um ABRAÇÃO nesse dia! chica

    ResponderEliminar
  3. Lindo poetar, seria muito bom se fosse assim, nossos sonhos todos são de amor e paz, nem se dá para imaginar como o homem só pensa em guerrear!
    Amei ler aqui, como sempre, tens belas poesias para nos fazer refletir!
    Abraços apertados amigo Eduardo!

    ResponderEliminar
  4. Quê mais queríamos nós, que a vida sorrindo, a vida sem ódios e só amor, sob o céu azul?
    A poesia nos salva da crua realidade, felizmente.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  5. Maravilhoso poema, como o mundo seria bem diferentes, sem guerra, sem ódios e todos respeitando o próximo e a natureza.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  6. Poesia
    .
    .
    Cada instante da poesia
    é uma nova viagem,
    mesmo que o assunto
    seja o mesmo de sempre...
    .
    .
    Francis Perot

    ResponderEliminar

Oferecido por Cristi@ne

Image and video hosting by TinyPic"

Oferta de Sandra Veneziani

Image and video hosting by TinyPic"