quarta-feira, 23 de setembro de 2015

"SAIA RODADA"

 Rosa mulher, de saia rodada,
no jardim, a vi com a rosa flor
 não a mim, a outro abraçada
apaixonada por amor!

De propósito fez isso,
para eu ter ciumes dela
tento mas não consigo
deixar de pensar nela.

 Sinto no olhar dela,
 em mim, forte desejo
quando assim a vejo
cada dia mais bela.

Vou tentando resistir,
contrariando o coração
à persistente tentação
enquanto conseguir!
(Edumanes)

sábado, 12 de setembro de 2015

"NOITE DE LUAR"

Beijar sem vaidade,
abraçar quem merece
nada por acaso acontece
se conquista a liberdade.

Perfumadas apetece,
cheirar as pétalas duma flor
 não se conquista o amor
porque o amor acontece.

Ao relento as encontrar,
de várias cores enfeitadas,
dentro de vasos nas janelas
em noites ou não de luar!
(Edumanes)

terça-feira, 8 de setembro de 2015

"A BORBOLETA E A FLOR"

Como a sensibilidade da flor!
continua resistindo às tempestades
de nada comparado com o amor
que, às vezes destrói felicidades.

Vi uma rosa murcha que não resistiu,
tristemente, deixou cair as pétalas no chão
foi como que alguém que para sempre partiu
com o seu despedaçado, triste, coração.

Para não cair em nenhum enredo,
 de alguém, como que uma flor amava
 ao ouvido, querendo dizer um segredo
sobre ela uma borboleta repousava!
(Edumanes)

Oferecido por Cristi@ne

Image and video hosting by TinyPic"

Oferta de Sandra Veneziani

Image and video hosting by TinyPic"